João Baião
Fala sobre os últimos dias de vida da mãe: «tinha um olhar vazio»

Nacional

João Baião esteve presente na emissão desta segunda-feira d'O Programa da Cristina e falou sobre a morte da mãe, Maria Luísa.

Seg, 02/12/2019 - 15:26

João Baião foi um dos convidados de Cristina Ferreira na emissão desta segunda-feira, dia 2 de dezembro, do programa das manhãs da SIC. O apresentador perdeu a mãe no passado mês de outubro, um dia antes do seu aniversário, e tem sido muito elogiado pelos fãs e colegas por ter regressado ao trabalho tão rapidamente e sempre com a boa disposição habitual. 

 «É difícil explicar como se pode estar alegre, estando desfeito por dentro», começou por confessar João Baião à estrela da SIC, mas acrescentou: «Se tivesse ficado em casa teria sido pior. A minha mãe tinha o maior orgulho em mim. Ela gostava da minha alegria»

Com o Natal a aproximar-se a passos largos, o apresentador de Olhó Baião acabou por revelar que esta é uma época muito especial e que a associa muito à família. Esta quadra natalícia vai ser difícil para João Baião, que conta que há sempre algo nesta época que o faz recordar o passado em família, e que outras recordações também vêm à flor da pele. «A imagem de uma mãe num caixão é uma coisa que não se esquece nunca», disse, emocionado

«Sempre vivi apavorado com o desaparecimento da minha mãe. Se ela dizia que chegava às seis e chegava às oito, eu chorava à janela. Sempre quis ser mais crescido para não sofrer tanto. Mas nestas coisas não se tem idade», acrescentou.

«No fim, ela já não reconhecia»

Esta foi a primeira vez que João Baião abriu o coração para falar da mãe, Maria Luísa, que morreu aos 85 anos, vítima de um AVC. O apresentador da estação de Paço de Arcos revelou que os últimos tempos foram muito difíceis e que nos últimos dias de vida da mãe «ela já não reconhecia.»

«O que mais me impressionou foi o vazio do olhar. No fim, ela já não reconhecia. No último mês, ela já só respirava. Dizia-lhe sempre que a amava.»

Apesar de continuar a alegrar as manhãs dos fins de semana dos portugueses na SIC, João Baião confessa-se «só» e com um grande vazio dentro de si. «Quando temos filhos, acabamos por perspetivar a tua vida neles. Quando não tens, ficamos sem alicerce e começamos a ver-nos sós. 

É um vazio grande», terminou. 

João Baião e Cristina Ferreira terminaram a conversa visivelmente emocionados e partilharam um abraço forte e amigo.

João Baião perdeu a mãe no dia 7 de outubro, na véspera do seu 55º. aniversário. O apresentador já tinha falado publicamente sobre o debilitado estado de saúde de Maria Luísa. O dia 7 de outubro ficará marcado para sempre como um dos dias mais tristes da vida do apresentador. Em 2010, o pai de João Baião faleceu, vítima de um AVC, precisamente no mesmo dia em que a mulher, 7 de outubro. 

Texto: Mafalda Mourão; Fotos: Reprodução Instagram

 

Siga a Revista VIP no Instagram