Jéssica do Big Brother
Deixa tudo por amor a Pedro Alves e garante que «ele não está bem»

Nacional

Jéssica, a concorrente expulsa do Big Brother 2020, muda de vida por amor a Pedro Alves. E conta que «ele está bem», mas não é por sua culpa. «Há coisas que ainda não se podem saber...», diz.

Seg, 06/07/2020 - 13:22

Jéssica Nogueira foi a última concorrente expulsa do Big Brother 2020 e esteve esta manhã, 6 de julho, à conversa com Manuel Luís Goucha no Você na TV.

A agora ex-concorrente do reality show da TVI garantiu ao apresentador que só não desistiu do programa porque o namorado, Pedro Alves, lhe «pediu para ficar a apoiá-lo».

Jéssica garante que o amor entre ela e Pedro Alves não é falso

«Não desisiti porque o Pedro não quis, pediu-me que ficasse ali a apoiá-lo. Sei que as pessoas pensam que é culpa minha ele ter referido várias vezes que queria desistir, mas não. Há muitas coisas que não se podem saber, mas que ele não está bem e não é culpa minha. Ele esta deprimido, mas não é comigo. Ele quando sair logo explica», revelou, sem adiantar pormenores.

Sobre o relação amorosa que mantém com o concorrente do BB 2020, Jéssica garante que «é um amor mesmo forte» e que por ele deixa a Suiça e volta a viver em Portugal.

«É um amor mesmo para valer. Estou tão apaixonada por ele que já lhe disse que deixo a Suiça e venho para Portugal para estar perto dele, da minha família. Por amor, abandono tudo e faço tudo. Este amor não é falso. Ele acredita em mim e eu nele», disse, emocionada.

Quando estava dentro da casa mais vigiada do país, só esta paixão «importava» para a concorrente. «Este amor pode ter-me prejudicado, mas eu estava a marimbar-me para o jogo. O importante para mim era estar com ele», fez questão de referir.

Jéssica prometeu que não iria tratar Pedro Alves da mesma forma que os ex-namorados. A infância da ex-concorrente foi marcada pela toxicodependência da mãe e pela ausência do pai e isso influenciou a forma como 'geria' com as relações amorosas.

«Tive dois ex-namorados e fazia deles quase como se fossem um pai… Mas não vejo o Pedro como uma espécie de pai. E prometi a mim mesma que não lhe lhe faria o mesmo que fiz o ano passado ao meu ex-namorado (uma das relações mais importantes que tive terminou o ano passado)», revelou, sem entrar em detalhes.

Sobre os favoritos à vitória, Jéssica gostaria que o grande vencedor do Big Brorther 2020 fosse o namorado. Ou Soraia. «Ela merece, é genuina, é boa pessoa e não tem muitas condições cá fora», justificou.

Texto: Inês Neves; Fotos: Instagram

Siga a Revista VIP no Instagram