Sexo e a Cidade
É o fim de uma era. A Jimmy Choo vai ser vendida

Moda

Marca de sapatos celebrizada na série Sexo e a Cidade vai ser comprada pela Michael Kors.

Ter, 25/07/2017 - 15:24

1,2 mil milhões de dólares (aproximadamente mil milhões de euros) é quanto vai custar à marca Michael Kors a compra da Jimmy Choo. A marca de sapatos de luxo que se celebrizou nos pés das protagonistas da série Sexo e a Cidade, no final dos anos 90, vai juntar-se assim à griffe famosa pelas suas malas e carteiras.

De acordo com o The New York Times, as duas marcas têm sofrido uma acentuada quebra nas vendas, com os consumidores a demonstrarem hábitos de compra cada vez mais extremados: atualmente, são marcas de venda a retalho a preços acessíveis como a H&m e griffes de luxo como a Gucci a ditar cartas no mundo da moda.

O denominado "luxo acessível" da Jimmy Choo e Michael Kors tem vindo a perder terreno desde meados desta década, sendo que esta fusão é vista como uma tentativa de reforçar a posição das marcas num mercado cada vez mais competitivo.

Os sapatos preferidos da princesa Diana

Fundada em 1996 por Jimmy Choo, a marca de sapatos não precisou de muito tempo para se afirmar a nível mundial. Em 1997, a princesa Diana surgia em público com um par de sapatos da marca. Pouco tempo depois, chegavam ao pequeno ecrã as quatro mulheres mais famosas da ficção televisiva. Sexo e a Cidade transformaria os sapatos Jimmy Choo em objeto de desejo e cobiça de milhões de mulheres.

Atualmente, a marca continua a ser a favorita de celebridades como Kendall Jenner, Emma Stone e Jennifer Lopez. 

Siga a Revista VIP no Instagram