Rainha Isabel II
Usa tiara para a proteger do mau-olhado... em jantar com Donald Trump

Realeza

Uma das teorias da conspiração mais caricatas dos últimos tempos revela que a rainha Isabel II usou uma tiara específica em jantar com Donald Trump, para se proteger do mau-olhado.

Ter, 11/06/2019 - 16:03

Donald Trump esteve em Londres, Reino Unido, acompanhado pela mulher, Melania, na semana passada, para uma visita de Estado de três dias. Enquanto se encontrava em terras de sua Majestade, o presidente dos Estados Unidos da América visitou Downing Street e teve direito a um banquete no palácio de Buckingham. 

Foi precisamente nesse jantar que foi criada uma teoria da conspiração, que já se tornou viral. Consta-se que a tiara usada pela rainha Isabel II nesse evento tinha o propósito de afastar o mau-olhado.

O adereço era formado com cerca de 96 rubis, oferecidos pelo povo do Myanmar, país do sul da Ásia, que acredita que esses pedras podem proteger o seu dono do mau-olhado e da maldade. 

A Burmese Ruby Tiara, assim se chama a peça, foi encomendada pela rainha em 1973. A empresa que a fez usou as pedras, consideradas muito raras, que a mãe do príncipe Carlos recebeu do povo de Myanmar aquando do seu casamento com o duque de Edimburgo, em 1947.  

O assunto foi abordado na Crónica Social do Você na TV!, da TVI. Cinha Jardim desvaloriza o sucedido e preferiu destacar a elegância de Melania. «A rainha Isabel II até podia ter levado um trono deste tamanho [grande] na cabeça porque com a Melania ao lado dela... Ninguém olhou para a rainha. Aquela mulher é realmente um espetáculo», revela. 

Veja as fotografias na nossa galeria. 

- Rainha Isabel II não autoriza o divórcio do príncipe William e Kate Middleton

Texto: Redação WIN/Conteúdos Digitais; Fotos: Reuters

Siga a Revista VIP no Instagram