Rainha Isabel II e Letizia de Espanha
Interrompem as férias por causa dos compromissos reais

Realeza

As rainhas de Inglaterra e de Espanha veem as férias de verão adiadas por causa de problemas políticos que estão pendentes.

Qua, 24/07/2019 - 15:58

A rainha Isabel II e a rainha Letizia estão a ver as férias de verão serem adiadas devido a questões políticas. Em causa estão as nomeações dos líderes dos respetivos governos, que ocorrem este ano.

A rainha de Inglaterra, de 93 anos, está a ter um verão difícil devido à polémica que envolve de Boris Johnson, o futuro primeiro-ministro do Reino Unido. De acordo com o Express desta quarta-feira, dia 24 de julho, a monarca geralmente vai a Aberdeenshire, na Escócia, durante «todo verão, de meados de julho a outubro, altura em que retoma os compromissos reais.»

A mãe do príncipe Carlos deveria ter começado as férias esta semana, mas a chegada de Boris Johnson ao Parlamento britânico atrasou-as. Com é costume, a rainha tem que ter um encontro com o novo presidente que entra em funções, uma reunião que deve acontecer ainda esta quarta-feira. «Assim que a reunião acontecer, Isabel II irá para a Escócia e desfrutará de férias com toda a sua família. Ela fica mais relaxada quando está em Balmoral», escreve o jornal britânico.

Férias para Maiorca adiadas

A matriarca da Casa Real britânica não é a única a ver as férias adiadas por questões políticas. Também a rainha Letízia tem visto a suas férias adiadas por causa das eleições e da possível obtenção da maioria por parte de Pedro Sánchez. A sessão desta semana terminou com a não obtenção de uma maioria absoluta para o presidente, o que fez com que as férias reais em Maiorca ficassem por um fio.

A intenção de Felipe e Letizia era ir para a ilha esta sexta-feira, dia 26 de julho. Na quinta-feira, dia 25 de julho, terá lugar o segundo voto, em que o PSOE precisa de uma maioria absoluta (176 deputados) de «sins» para formar um governo. As férias dos reis de Espanha dependem dos resultados dos votos.

A política e a realeza nem sempre andam de mãos dadas e, por vezes, os horários não coincidem. Prova disso é a situação das rainhas de Inglaterra e de Espanha, que têm que cumprir as suas obrigações reais antes de pensarem em descansar. O povo precisa delas.

Texto: Redação Win/Conteúdos Digitais; Fotos: Reuteurs

Siga a Revista VIP no Instagram