Manuel Maria Carrilho
“Pedi a guarda dos meus filhos”

Nacional

O ex-ministro avança para tribunal e alega que está preocupado com a educação e a formação

Qui, 11/09/2014 - 00:00

Manuel Maria Carrilho afirma que deu entrada no Tribunal de Família e Menores de Lisboa com um pedido da guarda dos filhos que tem com Bárbara Guimarães: Dinis Maria, de 10 anos, e Carlota, de quase quatro.

“Foi no dia 21 de julho. Propus ao juiz que eles passem a estar à minha guarda em minha casa. Ou seja, pedi a guarda das crianças. Naturalmente, eu quero que os filhos vejam e estejam com a mãe. A minha preocupação é a educação e a formação. Em termos gerais, a guarda ficaria para mim e a Bárbara é que ficaria com o tempo remanescente. Agora, os detalhes ainda não estão propostos. Neste momento tenho os fins-de-semana alternados e as quartas-feiras. As hipóteses estão em aberto e vão ser negociadas”, afirmou, em declarações à VIP.

“Tomei esta medida por várias razões: a primeira foi um contínuo mal-estar das crianças, resultante de situações de negligência, e, muito importante, foi o total bloqueio da co-educação que estava prevista no acordo de divórcio. Não consegui um único minuto de conversa, uma única resposta ao e-mail, um único feedback sobre nada da educação dos meus filhos, que me preocupa imenso. E, por último, o incumprimento generalizado de todos os pontos do acordo, como, por exemplo, ela partir com eles para o estrangeiro sem me indicar, como está estipulado.”

Manuel Maria Carrilho faz questão de frisar: “Isto não é uma guerra. Entre mim e a Bárbara está tudo mais do que resolvido há um ano. Agora há a questão dos meus filhos”. O professor catedrático espera “que o tribunal avalie a situação”, acrescentando: “Foi uma decisão muito pensada. Aconselhei-me com psicólogos. Vários meses em que ouvi pessoas da minha família, pessoas com experiência, e, em consciência, não podia deixar de fazer isto”.

Carrilho diz ainda estar preparado para as mudanças que se irão criar na sua vida, caso vença. “Eu já criei um filho a partir dos oito, nove anos, sozinho, e correu tudo muito bem. Fez os estudos, é hoje um homem crescido, com princípios, com uma carreira brilhante, educa os meus netos de uma maneira que me orgulha imenso, e, portanto, confio em mim. Educar crianças não é difícil, desde que se tenha princípios, valores, amor por eles e eu acho que tenho isso tudo”.

Contactada pela VIP, Bárbara Guimarães não quis prestar qualquer comentário. Sempre que surge em público na companhia dos filhos, a apresentadora, que já refez a sua vida sentimental ao lado de Kiki Neves, mostra-se uma mãe carinhosa e atenciosa. Recorde-se que a estrela da SIC e o antigo ministro da Cultura protagonizaram em novembro do último ano um divórcio polémico, com troca de acusações mútuas.

Texto: Ricardina Batista; Fotos: Impala

Siga a Revista VIP no Instagram