Pai de Meghan
Em tribunal para testemunhar contra a própria filha

Realeza

Os últimos dias de Harry e Meghan Markle não têm sido propriamente fáceis.

Qua, 15/01/2020 - 10:22

Os últimos dias de Harry, de 35 anos, e Meghan Markle, de 38, não têm sido propriamente fáceis. O casal, que abdicou recentemente dos deveres reais, pretende tornar-se independente financeiramente e dividir-se entre os Estados Unidos do América e o Reino Unido. 

Apesar de toda esta situação, o DailyMail avançou esta terça-feira, dia 14 de janeiro, que a confusão na vida dos duques de Sussex está longe de terminar. Thomas Markle, o pai da atriz, vai ser chamado para testemunhar contra a própria filha, num processo judicial que Meghan Markle instaurou contra o jornal Mail on Sunday, em 2019.

Em causa está a publicação de um excerto de uma carta escrita pela mulher de Harry ao pai, em agosto de 2018. 

Thomas Markle, de 75 anos, deu aos advogados mensagens de texto nunca antes vistas, enviadas antes do casamento da filha, que comprovam o colapso do relacionamento de Meghan com o progenitor. 

O sogro do neto da rainha Isabel II enviou uma mensagem para Meghan, informando-a que não podia comparecer no enlace devido a um problema cardíaco, que o levou, de urgência, para o hospital. 

Na resposta, que alegadamente terá sido enviada por Harry, Thomas Markle é acusado de ter magoado a filha e sobre o seu estado de saúde, nem uma referência. 

O pai da atriz voltou a responder: «Eu não fiz nada para te magoar, Meghan. A ti ou a qualquer pessoa. Desculpa-me se o meu ataque cardíaco é... um inconveniente para ti.»

A nora do príncipe Carlos acusou o tablóide de violar a sua privacidade, os seus direitos de proteção de dados e os seus direitos de autor, quando publicou o excerto do manuscrito.   

Por sua vez, o Mail on Sunday negou tais alegações e argumentou que havia um «grande e legítimo interesse público» na família real britânica, incluíndo os seus «relacionamentos pessoais e familiares».  

Os documentos da defesa também referem que:

- Thomas Markle apenas revelou ao mundo tais mensagens para provar que a sua relação com a filha não é, de todo, das melhores; 

- O pai de Meghan Markle guardou tais cartas durante meses e que só as revelava para contrariar os «falsos» rumores de que estaria a existir uma reaproximação dos dois;

- O sogro de Harry decidiu revelar tais documentos uma vez que Meghan Markle também permitiu que alguns amigos falassem sobre o assunto à revista People;

- Thomas Markle insistiu, sem sucesso, entrar em contato com a filha por diversas ocasiões; 

- Desde a carta que recebeu em 2018, o pai de Meghan Markle não soube mais nada da filha. Nunca conheceu pessoalmente o genro e o neto, Archie, com oito meses.

Texto: Ivan Silva; Fotos: Reuters

  

   

 

Siga a Revista VIP no Instagram