Realeza
Os reis que não abdicam do trono

Realeza

Depois de Juan Carlos de Espanha, sobram quatro soberanos europeus
que, apesar da idade, não parecem querer abdicar do trono

Sex, 27/06/2014 - 00:00

Recentemente, Juan Carlos de Espanha abdicou da coroa ao fim de 39 anos de reinado. A idade já é avançada, 76 anos, mas nada fazia prever que o pai de Felipe, novo rei de Espanha, ia tomar esta decisão. Isto porque, o antigo soberano pertencia ao grupo dos reis da Europa que já passaram da idade da reforma, mas continuam firmes no trono.

A rainha Isabel II é prova disso mesmo. Há 62 anos no trono de Inglaterra, que assumiu aos 25, é a favorita na corrida ao título do mais longo reinado. Na Europa, já é a monarca com mais anos de trono e a segunda a nível mundial – o primeiro é o rei da Tailândia, Bhumibol Adulyadej, que está há 68 anos no poder. A sua trisavó, a rainha Vitória, reinou durante 63 anos e 217 dias, mas tudo indica que, em setembro de 2015, Isabel II ultrapassará esse recorde. Partilha a vida ao lado do príncipe Filipe, com quem teve quatro filhos, o mais velho dos quais, Carlos, herdeiro do trono, que, aos 65 anos, continua à espera do título, já que, aos 88 anos, a mãe não parece querer renunciar.

No que à Dinamarca diz respeito, há 42 anos que o trono é da rainha Margarida II . Sendo a mais velha de três irmãs, foi necessário alterar a constituição dinamarquesa para que pudesse subir ao “poder”. Assim, depois da morte de seu pai, rei Federico IX, em 1972, Daisy, como também é conhecida, assumiu o reinado. O seu principal papel é representar a Dinamarca no estrangeiro e ser uma figura unificadora do país. Mesmo com o passar dos anos, a rainha, uma artista reconhecida e uma fumadora incorrigível, tem provado que quer continuar a ser soberana. Do seu casamento com o príncipe Henrique resultaram dois filhos. O mais velho, Frederico, é o herdeiro do trono.

Na Suécia também há um rei que não parece pensar na abdicação. Com apenas quatro anos, Carlos XVI Gustavo tornou-se herdeiro pois, apesar de ter quatro irmãs mais velhas, vigorava o princípio da primazia dos herdeiros do sexo masculino. Mas, foi aos 27 anos que ascendeu ao trono e herdou o título do avô visto que o pai faleceu num acidente de avião. Três anos depois de ser coroado, casou com a rainha consorte, Sílvia Sommerlath, e o casal teve três filhos. A princesa Victoria é a herdeira do trono da Suécia, mas, por agora, o pai não mostra intenção de passar o reino à filha.

O mesmo se passa com o rei Harald V da Noruega, que tem 77 anos e está no trono há 22. É casado com a rainha Sónia e pai da princesa Märtha Louise e do príncipe herdeiro Haakon. O rei tem um papel meramente cerimonial e nunca falou em abdicar. Estes quatro monarcas têm herdeiros que se preparam, desde sempre, para assumir o cargo mais alto da monarquia. Porém, tudo indica que, para eles, essa oportunidade ainda vai tardar a chegar, pois estes reis não pensam abdicar.

Texto: Laura Ribeiro Santos; Fotos: Reuters e Impala

Siga a Revista VIP no Instagram