Meghan a Harry
A mensagem escondida por detrás do comunicado dos duques de Sussex

Realeza

Especialista em realeza analisou a longa declaração de Meghan e Harry sobre o seu afastamento da Casa Real: «É reveladora da sua hostilidade».

Dom, 23/02/2020 - 20:45

Na sexta-feira, 21 de fevereiro, Meghan e Harry emitiram um comunicado sobre o seu afastamento da Casa Real, no qual explicaram que não vão usar mais a marca Royal Sussex. O longo texto revelou vários items do acordo com a rainha Isabel II, que entra em vigor já a partir da primavera, no entanto, segundo o especialista em realeza Rochar Fitwilliams, a forma como a declaração foi escrita denuncia o descontentamento do príncipe e da ex-atriz.

Ao jornal The Mirror, Richard Fitzwilliams afirma que esta longa declaração de Meghan e Harry «é reveladora da sua hostilidade e enfatiza as suas diferenças com o Palácio».

O especialista dá a sua opinião em relação a algumas mensagens 'escondidas' que os duques de Sussex transmitiram na forma como elaboraram este comunicado.

Emprego

O que a declaração diz: «Embora haja precedentes para outros membros da família real procurarem emprego fora da instituição, para o Duque e a Duquesa de Sussex, um período de revisão foi estabelecido.»

O que se lê nas entrelinhas: para o especialista, esta declaração pode sugerir que o casal acredita que está a ser tratado de maneira diferente com outros membros da realeza, como a princesa Beatrice e o neto mais velho da rainha Isabel II, Peter Phillips, que têm permissão para ganhar o seu próprio dinheiro. 

Marca 'Royal'

O que a declaração diz: «Embora não exista nenhuma jurisdição da Monarquia ou do Gabinete sobre o uso da palavra 'Royal' no exterior, o Duque e a Duquesa de Sussex não pretendem usar 'Sussx Royal' em qualquer território (dentro ou fora do Reino Unido) quando a transição ocorrer na primavera de 2020».

O que se lê nas entrelinhas: Fitzwilliams diz que «a declaração diz que eles não vão usar a palavra 'Royal', mas sublinha que a monarquia não os pode impedir de a usar, se eles quiserem. Isto deixa bem claro que eles não gostam deste acordo. Era desnecessário referir isso desta forma».

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: reprodução redes sociais e Reuters

 

Siga a Revista VIP no Instagram