Maddie Mccann
Moita Flores não tem dúvidas: «A única coisa que não aconteceu foi um rapto»

Nacional

O ID – Investigation Discovery estreia um documentário sobre o desaparecimento de Maddie McCann com vários testemunhos. Moita Flores afirma: «A única coisa que não aconteceu foi um rapto»

Sex, 24/05/2019 - 15:48

O Dia Internacional das Crianças Desaparecidas assinala-se este fim de semana. Para assinalar a efeméride,  o ID – Investigation Discovery estreia o documentário ‘The Madeleine McCann Mystery’ a 26 de maio, pelas 23 horas. O especial de duas horas analisa o desaparecimento mais mediático do século, o de Maddie McCann, relatando o que aconteceu naquela fatídica noite, há 12 anos, a 3 de maio de 2007, na Praia da Luz, no Algarve.

Maddie McCann desapareceu, aos três anos, do quarto onde dormia. Durante duas horas, o programa analisa a fundo cada detalhe da história, criando uma linha cronológica desde o momento em que Madeleine desapareceu, até às ações levadas a cabo pelas autoridades e aos esforços dos pais para encontrá-la.

O documentário ‘The Madeleine McCann Mystery’ conta com testemunhos dos principais intervenientes na história. Gonçalo Amaral, ex-inspetor da Judiciária responsável pelo caso, Francisco Moita Flores, antigo inspetor e Fernando Pinto Monteiro, Procurador-Geral da República à época, entre outros, são alguns dos protagonistas da história. O especial de duas horas contém ainda testemunhos de especialistas e jornalistas norte-americanos que acompanharam o caso.

Continue a ler este artigo aqui e veja os primeiros vídeos do documentário  

Siga a Revista VIP no Instagram