Liliana Campos apoia Ângelo Rodrigues e é arrasada:
«Se tivesse dois neurónios a funcionar, não fazia esse comentário!»

Nacional

Liliana Campos deixa uma mensagem de apoio para Ângelo Rodrigues e acaba por ser atacada por criticar a aparência dos famosos no Passadeira Vermelha.

Qui, 12/09/2019 - 13:00

Liliana Campos mostrou-se solidária com o momento difícil que Ângelo Rodrigues está a viver desde que foi internado no Hospital Garcia de Orta, em Almada, no dia 26 de agosto. A apresentadora do programa Passadeira Vermelha, da SIC, deixou um comentário de apoio na última publicação feita pelo ator na conta de Instagram e acabou a ser arrasada por alguns seguidores.

«Deus te abençoe e proteja miúdo Giro! Rezo por ti», foi a frase deixada pela comunicadora e que não agradou a todos. De imediato, houve quem colocasse a culpa do que aconteceu a Ângelo Rodrigues, e do uso de substâncias como os esteroides anabolizantes, a programas como o que Liliana Campos apresenta.

«Deus, se existisse, ia adorar o seu programa onde passam a vida a avaliar o corpo das pessoas! A pressão que estes miúdos têm para manter o emprego e relevância nesta indústria é o que os faz submeterem-se a estas práticas ilícitas de degradação física e mental!», comentou uma seguidora. «A Senhora Liliana Campos se tivesse dois neurónios a funcionar, que Deus se esqueceu de lhe oferecer, certamente não faria este comentário muito menos usaria o substantivo “giro” perante a desgraça que o atingiu exactamente por essa razão: ter de ser “giro”. Que “Deus” a ilumine o bastante para perceber a responsabilidade que programas como o seu têm na sociedade», pode ler-se ainda.

Após os comentários negativos, Liliana Campos não voltou a pronunciar-se. 

Recorde-se que Ângelo Rodrigues deu entrada no hospital devido a uma infeção grave que o levou a ser operado quatro vezes para remover tecidos. O ator está neste momento fora de perigo mas continua a lutar contra uma infeção generalizada. No entanto, este fim de semana, Ângelo recebeu uma boa notícia: no sábado, deixou a unidade de cuidados intermédios e foi transferido para o serviço de Medicina I.

Esta transferência significa que o estado de saúde do ator está a melhorar e que a equipa médica que o acompanha tem conseguido debelar a infeção, que alegadamente terá sido causada por injeções de testosterona. Sabe-se, para já, que Ângelo está livre de perigo e que já não corre o risco de ter de amputar a perna. Esta informação foi avançada na semana pela agência Glam, que representa o ator.

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais; Fotos: Instagram

 

Siga a Revista VIP no Instagram