Júlio Isidro
Presta homenagem a Helena Ramos: «O dia está cinzento e eu também»

Nacional

Júlio Isidro recorda Helena Ramos, a apresentadora da RTP que morreu há um ano, vítima de cancro.

Sáb, 02/11/2019 - 11:10

Júlio Isidro prestou homenagem a Helena Ramos, no dia em que se assinala um ano da morte da apresentadora da RTP. Através do Facebook, Júlio Isidro recordou a colega de profissão de quem era amigo e admirador e partilhou uma fotografia antiga dos dois a apresentar um evento. 

«1 de novembro. O céu cinzento, o nevoeiro e a chuva dão o tom, neste dia de uma certa e íntima tristeza. Da que é só minha, não falo. Do vazio que ainda hoje se sente nesta televisão que ainda tem memória, partilho. A Helena Ramos deixou-nos há um ano. Não assistiu à festa dos 15 anos da RTP Memória de que foi co-fundadora, mas o canal onde me realizo todos os dias, não se esqueceu da bela Helena», escreveu.

«Conheci-a em 1978 quando começou a encher os ecrãs com o seu sorriso largo. Trabalhámos em televisão muitas vezes e fui eu que a convidei a fazer rádio onde nos divertimos muito. Sorriu sempre, mesmo nos 5 anos em que guardou em silêncio a sua luta pela vida. Nunca deixou que lhe perguntassem : - Estás melhorzinha?
Tinha fibra, era frontal e não deixava nada por dizer. Há um ano que a sopa que comíamos em pé no bar da RTP tem uma parceira a menos. O dia está cinzento e eu também. Por motivos íntimos e partilhas públicas como esta : - A Helena Ramos já não anda entre nós "Há conversa"», lamentou. 

Helena Ramos morreu a 1 de novembro de 2018, aos 64 anos, após uma luta de vários anos contra um cancro. Era uma das caras mais conhecidas da RTP.

Texto: Ricardina Batista; Fotos: Impala e Reprodução redes sociais 

Siga a Revista VIP no Instagram