Jorge Gabriel
Vítima de crime: apresentador recorda momento em que foi assaltado

Nacional

Jorge Gabriel foi vítima de uma onda de assaltos pouco tempo antes do Natal.

Seg, 13/01/2020 - 22:00

 

O crime aconteceu há um mês. Jorge Gabriel tinha, sem saber, o seu carro a ser assaltado enquanto participava nas gravações do Circo de Natal da RTP, na arena de Victor Hugo Cardinali. O furto causou danos na viatura do apresentador do programa das manhãs da estação pública.

O anfitrão de Praça da Alegria, que apresenta com Sónia Araújo, recordou, em declarações à TV 7 Dias, como tudo aconteceu: «Quando cheguei ao carro nem dei pelo vidro partido, porque foi um vidro pequeno junto ao retrovisor. Eu abri a porta de trás do carro, pendurei a minha camisa, como faço sempre com a minha roupa, e pensei: 'Falta aqui qualquer coisa! Terei deixado o carro aberto?!'»

Depois, continua, «abri a porta da frente e vejo vidros». «Foi aí que percebi. Levaram o meu porta-fatos, onde tinha um conjunto para fazer uma gravação de um programa, e foram ao meu porta-bagagens e levaram uma prenda para o meu filho. Foi isso que mais me aborreceu.» A estes prejuízos, claro, junta-se o vidro partido.

Com um discurso positivo, Jorge Gabriel desvaloriza o caso e diz que «a vida continua». E só deseja duas coisas: «Que lhes faça bom proveito a roupa que lhes ofereci e que uma criança fique muito feliz com o lego que eles me subtraíram.»

Confrontado pela mesma publicação sobre se tinha prestado queixa junto das autoridades competentes, a estrela do entretenimento do operador público de media nega e revela que não foi o único alvo dos assaltantes. «Fui o meu carro, o de um colega nosso e mais dez ou 12 carros que estavam naquele parque de estacionamento. Acontece a todos.»

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: Impala e reprodução redes sociais

Siga a Revista VIP no Instagram