João Mota tem nova profissão
«Escolhi partilhar uma parte do meu mundo que até hoje poucos conheciam»

Nacional

O namorado de Mariana Monteiro contou aos seus seguidores a nova profissão que tem, depois de saber que ia ser, abruptamente, afastado da novela Alguém Perdeu.

Ter, 11/06/2019 - 09:59

João Mota, o ex-concorrente da Casa dos Segredos 2, aproveitou o feriado de 10 de junho para confidenciar aos seguidores a nova atividade profissional a que se dedica. «Escolhi o dia de Portugal para partilhar convosco, uma parte do meu mundo que até hoje poucos conheciam», começou por contar, aguçando, assim, a curiosidade.

«No inicio do ano, concluí a minha formação em Shiatsu. Para quem não sabe, o Shiatsu é uma massagem terapêutica que tem como principal objetivo equilibrar o Qi (energia vital) do corpo. Foi uma jornada muito bonita», acrescenta, pouco depois. «Tive um professor e colegas magníficos e muito inspiradores. Sempre fui fascinado pelo Oriente e poder estudar em profundidade os fundamentos da Medicina Tradicional Chinesa foi muito importante para a minha evolução pessoal.»

As primeiras conquistas

O ator salienta que esta aprendizagem foi importantíssima. Se, inicialmente, ouvia queixas de «stress, ansiedade, pressão, dor, nervosismo», agora, o feedback final de «tranquilidade, bem-estar, paz de espírito, alivio, equilíbrio» não podia ser mais positivo.  

«O sentimento de proporcionar este tipo de transformações a quem mais gosto, fez-me querer criar algo que levasse o Shiatsu, e a minha abordagem deste, a mais pessoas.
Queria um conceito que se identificasse com a minha forma de ver o mundo, e foi assim que me surgiu KaiZen Shiatsu», concluiu, convidando os seus seguidores a experimentar as terapias, que irão funcionar por marcação, num ginásio, em Lisboa.

Dispensado de «Alguém Perdeu»

De recordar que, a par do curso, João Mota tem-se dedicado, pontualmente, à representação. O último projeto que integrou foi a novela Alguém Perdeu, o produto da CMTV que conheceu o fim mais cedo do que o previsto. A trama foi desenhada para ter 200 episódios, mas a estação decidiu encurtá-la para os 82. Assim, a história de António Barreira sairá de cena (muito) mais cedo do que o esperado. 

João Mota, que é um dos protagonistas da trama, já faz contas à vida. Dispensado mais cedo, assim como todo o elenco, o ator já tem uma nova profissão enquanto não surge o tão desejado projeto da área da ficção. 

Leia ainda: O «amor senil» e a «loucura boa» que já duram há sete anos

Texto: Tânia Cabral; Fotos: Reprodução Instagram

Siga a Revista VIP no Instagram