Harry
Sofre de problema genético e procura ajuda de especialistas

Realeza

O príncipe Harry terá recorrido a uma intervenção estética para corrigir um problema genético que afeta a sua autestima.

Ter, 11/02/2020 - 17:00

O príncipe Harry terá recorrido a uma intervenção estética devido a um problema que tem vindo a prejudicar a sua autoestima. Conhecido pelo seu cabelo ruivo inconfundível, o duque de Sussex está a começar a ficar careca devido à calvície - um problema genético que também afeta o príncipe Carlos e o príncipe William.

Segundo o The Sun, o marido de Meghan Markle visitou a clínica de Philip Kinsley, especializada em implantes capilares, no final do ano passado. De acordo com a mesma publicação, uma fonte próxima da clínica contou que a visita de Harry «causou alvoroço», mas acabou por ter sido mantida em segredo pelos funcionários do estabelecimento.

Após a notícia de que Harry se teria submetido a esta intervenção estética, o jornal Daily Mail contactou o doutor Asim Shahmalak, médico especialista em implantes capilares, que fez uma análise pormenorizada ao cabelo do pai de Archie e contou à publicação quais os resultados finais, após a observação.

«O gene da calvície na família Windsor é extremamente agressivo»

«A calvície do Harry surgiu de forma mais lenta e tardia, mas está a começar a alcançar o seu irmão. Ele está a perder cabelo ao mesmo ritmo que o príncipe William perdeu quando tinha 20 anos... O gene da calvície na família Windsor é extremamente agressivo», revelou.

Harry e Meghan estão atualmente a viver em Vancouver, no Canadá, e o príncipe está sem aparecer há algumas semanas. Por essa mesma razão, não se pode concluir se esta intervenção estética foi efetuada ou se o duque de Sussex teve uma consulta de aconselhamento. No entanto, fontes próximas da Casa Real confirmam que é da vontade do filho mais novo da princesa Diana corrigir este «problema» que afeta os homens da Casa Real e que prejudica a autoestima do marido de Meghan Markle. 

 

 

Siga a Revista VIP no Instagram