Futuro dos filhos de Eduardo Beauté preocupa amigos:
«Se eles forem separados, o trauma pode ser muito maior»

Nacional

Fonte próxima de Eduardo Beauté revela que o futuro dos filhos é incerto e que «há várias possibilidades em cima da mesa».

Seg, 09/09/2019 - 20:40

A morte de Eduardo Beauté, no sábado, dia 7 de setembro, levanta várias questões em relação aos três filhos menores que o cabeleireiro deixou: Bernardo, de nove anos, Lurdes, de sete, e Eduardo, de quatro. Para já, segundo uma fonte ouvida pela nossa revista sabe, «ainda não está definido quem vai ficar com as crianças».

Bernardo é o único cujos tutores legais eram Eduardo Beauté e Luís Borges. Os dois mais novos foram adotados apenas pelo cabeleireiro, por isso, de acordo com um amigo próximo, «há várias possibilidades em cima da mesa.»

«Um dos cenários é que as crianças fiquem com a mãe do Eduardo, pois, perante a morte dele, é a familiar mais próxima. No entanto, o Luís Borges também está a ponderar ficar com os três», diz a mesma fonte, adiantando que uma das preocupações maiores será a de não separar os três irmãos: «O sofrimento pelo desaparecimento do pai já é suficiente... Se eles forem separados, o trauma pode ser muito maior.»

«Até domingo, ninguém lhes tinha contado»

Segundo a nossa revista, até domingo, dia 8 de setembro, Bernardo, Lurdes e Eduardo ainda não sabiam da morte do pai. «Eles têm estado em casa de uma grande amiga do Eduardo, a Alice. Ela sempre deu muito apoio a cuidar das crianças e era em casa dela que os miúdos estavam no sábado, quando tudo aconteceu. Até domingo, ainda ninguém lhes tinha contado», conta um amigo de Beauté.

«Aconteceu tudo de repente e os familiares e amigos têm andado a tratar de assuntos burocráticos relacionados com a morte do Eduardo», diz este amigo. «A polícia está a investigar, há a questão da autópsia, da marcação do velório e do funeral... Têm sido dias muito difíceis para toda a gente», afirma ainda, acrescentando:

«As crianças têm estado em casa da Alice e o Luís Borges tem lá ido. Ele está muito preocupado e a prioridade agora são os meninos», diz a mesma fonte: «Toda a gente os está a proteger, até porque os mais velhos já têm idade para perceber tudo o que aconteceu.»

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: reprodução redes sociais

 

Siga a Revista VIP no Instagram