Alexandra Lencastre
Filha mais velha saiu de casa

Nacional

Atriz apoiou a independência de Magarida, que foi viver com uma amiga em Lisboa

Qui, 29/01/2015 - 00:00

Aos 49 anos, Alexandra Lencastre está a viver dias de mudança. Para além de ser uma das atrizes do elenco de A Única Mulher, da TVI, que foi gravar a Luanda, viu recentemente a filha Margarida, de 18 anos, sair de casa. “Está a viver em Lisboa há quatro semanas, com uma colega do Conservatório. Ela queria muito viver sozinha. Damo-nos melhor agora, sem dúvida nenhuma. Nós fazemos vários cortes ao longo da vida e este é dos mais difícies. Mas assisto com carinho a estas mudanças”, diz, adiantando que deu à filha mais velha os conselhos que a mãe lhe tinha dado quando, aos 23 anos, também decidiu sair de casa. “O principal é ela saber que eu estou sempre aqui seja a que horas for. É muito engraçado, no outro dia ela disse-me que vivia com uma mãe-coragem e não sabia. Eu fiquei muito contente”, sorriu, à partida para Luanda, onde ia filmar a nova aposta da TVI.

 

A atriz ia apenas ficar cinco dias em Angola, país que não conhece. Mesmo sendo pouco tempo, não consegue deixar de se preocupar com as filhas. “A mais velha já mora sozinha e a Catarina fica bem acompanhada, em casa, com familiares meus. O pai [Piet-Hein] não está cá. Foi um bocadinho complicado. Mas é pouco tempo”. De qualquer forma, as preocupações e as saudades vão ser mais do que muitas. Tantas que fez um pacto com as filhas para não irem despedir-se dela ao aeroporto. Combinação que a mais velha acabou por quebrar. “A minha família fez o favor de não vir despedir-se, pois já sabiam que, mesmo sendo pouco tempo, eu ia ficar muito sensibilizada. Confesso que gostava de ter as minhas filhas ao meu lado. A mais velha fez-me uma surpresa, estava ali fora, mas não quis ser apanhada por vocês. Veio só dar-me um beijinho”, revela.

 

Apesar de serem apenas cinco dias de gravações, vão ser cinco dias longos. “Para além de gravações, vamos andar em entrevistas, em programas de televisão, a fazer promoção da novela... Só gravo em Luanda sul, nos arredores do hotel. Nunca lá estive, mas tive conhecimento de que as distâncias são difíceis de percorrer, são filas de trânsito intermináveis. Já temos a noção de que o sol nasce por volta das 5 da manhã, portanto, temos de nos levantar a essa hora, porque o sol também se põe relativamente cedo, por volta das 16h. Vamos gravar, basicamente, exteriores”. Sem tempo para fazer turismo, Alexandra Lencastre espera que o Cupido a surpreenda por lá. “Tenho a promessa de algumas colegas bondosas que dizem que me vão arranjar um namorado africano. Então, não gostava? Falávamos de amor à vontade, e tinha um guarda-costas, estava tudo resolvido. Vamos torcer por isso. Nesse aspeto, tenho pena de não ficar lá mais tempo. Não vou conseguir conhecer nada. Mas, para me apaixonar, bastam uns segundos; por isso, nunca se sabe”, sorri, e dispara: “2015 vai ser um bom ano, vai ser o ano de todos os perigos, de arriscar uma relação nova, com uma cultura diferente”.  

 

Texto: Sónia Salgueiro Silva; Fotos: Tito Calado e Impala

Siga a Revista VIP no Instagram