David Motta
“Estou a fazer o que gosto”

Nacional

A trabalhar em Londres, o produtor de moda veio a Portugal visitar a mãe na prisão e passar férias

Sex, 12/10/2012 - 00:00

 Quis visitar a mãe, Maria das Dores, presa pelo homicídio de Paulo Cruz, e por isso, David Motta veio passar férias a Portugal, onde não vinha há quase um ano. “Achei-a como sempre, um minuto eufórica, outro minuto muito triste, com saudades do meu irmão, e muitas minhas, porque também já não me via há alguns meses, mas falamos todas as semanas”, contou à VIP o produtor de moda, de 25 anos, que está a viver em Londres, onde arranjou emprego, há dois anos. “Está a correr muito bem, estou a trabalhar, a fazer o que gosto, a ser respeitado e a ser aceite”, garante David Motta, que esteve no lançamento em Portugal da marca de relógios TW Steel, na discoteca Lux.

Recorde-se que, em 2010, foi condenado em primeira instância a uma pena suspensa de quatro anos e oito meses de cadeia por falsificação de documentos e burla qualificada por ter levantado 127 mil euros de uma conta do pai, José Mota. Para evitar a prisão efetiva, o produtor de moda tem ainda três anos para devolver essa quantia ao progenitor.

Texto: Elizabete Agostinho; Fotos: Ricardo Sousa Costa

Siga a Revista VIP no Instagram