«Esta é uma realidade que afeta muitas mães»
«Fiquei traumatizada com o parto e não quero ter mais filhos»

Nacional

«Esta é uma realidade que afeta muitas mães. E tudo porque os médicos nos deixam sofrer até à última.»

Seg, 20/05/2019 - 13:30

«Esta é uma realidade que afeta muitas mães. E tudo porque os médicos nos deixam sofrer até à última.

Compreendo que a forma mais natural de nascer seja através de um parto normal, pela vagina. Eu compreendo isso, mas daí a deixarem uma mulher, nos dias de hoje, a sofrer imensas horas… Isto é muito bonito. Temos de parir de forma natural. No entanto, se o bebé só decidir nascer às 40 semanas e já tiver uns quatro quilos, dificilmente será um parto santo. Deveria ser a mãe a decidir!

No meu caso, às 39 semanas implorei para ser mãe. A minha bebé já estava bem gorda, segundo o médico, mas estava bem no quentinho da minha barriga. Resultado? Só quis nascer às 41 semanas com… 4,100 quilos!!! Imaginem bem o que sofri. Pouca dilatação durante três dias. Lá fiz os nove dedos de dilatação, mas… rasgaram-me toda, claro.» 

Continue a ler aqui

Foto: DR

Siga a Revista VIP no Instagram