A bricolage e a jardinagem sempre fizeram parte das rotinas diárias de Leonor Poeiras. Agora, aos 34 anos, a apresentadora decidiu dar a conhecer esse seu lado. Para tal, criou um blogue, a que deu o nome de Oficina Poeiras.

“Chamo-lhe Oficina porque trata de bricolage, jardinagem, arts and craft, organização, arrumação, decoração, algumas coisas de culinária e muitas atividades ao ar livre”, começa por dizer no evento de apresentação, que decorreu no Torel Palace, em Lisboa. “Tudo isto é a minha forma de ver a vida. Faço isto diariamente. É o meu modo de vida. Tenho muitas coisas que sou eu que faço, como esta saia. Já que vivo assim, porque não dinamizar estas coisas que faço? Foi este o desafio lançado pelos meus amigos. Então, cá estamos”, acrescenta.

O nome escolhido está também relacionado com o facto de existir um espaço físico onde dá largas à sua imaginação. “Tenho uma oficina física que fica a poucos metros daqui. Está inserida numa escola primária. É um espaço cedido pela junta de freguesia e não está aberto ao público”, refere, explicando que os alunos da escola estão envolvidos nas suas atividades. “Tenho também uma extensão de relva onde vou fazer uma horta e um roseiral. São as crianças da escola que vão tomar conta desse espaço e é algo que estará inserido na disciplina de Estudo do Meio no próximo ano letivo. Estou felicíssima, até porque é a escola onde anda o meu filho”, conta.

Leonor Poeiras explicou também por que razão só agora lança este projeto. “Ainda bem que há tantos projetos para pôr em marcha. Este tinha ficado adiado durante alguns meses, pois não estava em condições de o colocar a andar”, disse, referindo-se ao estado de saúde bastante debilitado da sua mãe, Maria de Lurdes, que estava doente e acabou por falecer em abril. A apresentadora agradeceu ainda a presença dos amigos. “É muito importante contar com eles. Nos bons e nos maus momentos é muito bom ter os amigos por perto. Este é um passo muito feliz e alegre na minha vida, a que não faltaram os amigos que estiveram comigo também nos momentos menos bons. Enche o coração. É muito bom saber que estão felizes por mim”, conclui.

Texto: Bruno Seruca; Fotos: Nuno Moreira

Siga a Revista VIP no Instagram