Diogo Martins
Recorda a morte da mãe: «Não acreditava»

Nacional

Diogo Martins recorda a morte da mãe, em dezembro passado: «Nunca me vai sair do pensamento. Todos os dias penso nela.»

Ter, 18/06/2019 - 12:23

O ator Diogo Martins esteve esta segunda-feira, 17 de junho, no programa de Cristina Ferreira. Além de recordar a carreira na televisão, o jovem ator falou também do momento mais difícil da sua vida, a morte da mãe em dezembro passado.

Embora já não vivesse com os pais, Diogo Martins era presença assídua na casa que o viu nascer. No dia em que recebeu a notícia da morte da mãe, estava em gravações para a novela Alma e Coração, tendo recebido um telefonema do irmão.  Acabou por ser o ator e amigo Afonso Pimentel a atender a chamada. «Ele não precisou de me dizer nada, eu percebi», afirmou.

Diogo Martins revela ainda que esteve com a mãe dois dias antes de tudo acontecer. «Eu estive com ela dois dias antes e não me arrependo nada. Mandou-me uma mensagem no domingo para ir almoçar com eles [os pais]. Eu sinto que ela estava realmente em paz num momento muito feliz. Ambicionava muito ser avó e o meu irmão deu-lhe essa sorte. Conheceu o neto.»

Luísa Martins, a mãe do ator, tinha 59 anos quando perdeu a vida de forma inesperada. Ao receber a notícia, Diogo não sabia o que fazer ou pensar. «Eu tive perto de uma semana assim [em anestesia]. Não acreditava, achava que tudo aquilo tinha sido um dia, que não me estava a acontecer a mim, era um sonho que eu estava a ver...É muito complicado. Nunca me vai sair do pensamento. Todos os dias penso nela.»

Poucos dias após a morte da mãe, Diogo mudou-se novamente para casa dos pais para estar mais perto da família nestes primeiros momentos mais complicados após a perda de um familiar.

 

LEIA AINDA: As palavras emocionantes de despedida 

Texto: Redação WIN - Conteúdos Digitais; Fotos: Impala e Reprodução Instagram

 

Siga a Revista VIP no Instagram