Prémios Goya
Banderas e Penelope foram reis da noite

Internacional

Numa cerimónia que premiou os melhores do cinema espanhol, eles não passaram despercebidos

Ter, 10/02/2015 - 00:00

La Isla Minima, de Alberto Rodríguez venceu dez estatuetas da última edição dos prémios da Academia de Cinema de Espanha, os célebres Goya, de entre os 17 para que estava nomeado, entre os quais as de Melhor Filme, Realização, Argumento Original, Direção de Fotografia, Ator Principal (Javier Gutiérrez) e Atriz Revelação (Nerea Barros).

A cerimónia ficou marcada pelo apelo do presidente da Academia, Enrique González Macho, para que o governo central baixe o valor do IVA em Espanha na área da cultura e agradeceu aos espetadores o terem apoiado o cinema espanhol no ano anterior.

O filme Ida, do realizador polaco Pawel Pawlowsky, que tem conquistado vários prémios internacionais e está nomeado para os Óscares, recebeu o Goya para Melhor Filme Estrangeiro.

Antonio Banderas foi a figura da noite, ao receber um Goya pelo conjunto da sua carreira e Penelope Cruz irradiou beleza durante toda a cerimónia, demonstrando os dois por que razão são tão acarinhados no país vizinho.

Texto: LP; Fotos: Reuters

Siga a Revista VIP no Instagram