A alimentação de Madonna
Saiba em que consiste a dieta Kosher

Nacional

Madonna está à procura de um cozinheiro e pretende pagar até 10 mil euros por mês. No entanto, tem de saber cozinhar de acordo com a dieta Kosher.

Sex, 26/10/2018 - 16:50

Madonna está à procura de um novo chef de cozinha. A cantora, que está a morar em Portugal, pretende pagar cerca de 10 mil euros por mês a quem conseguir cumprir todas as exigências, que não são poucas.

A artista cumpre uma dieta rigorosa chamada dieta Kosherk, que tem regras específicas. Não sabe em que consiste? Ora veja:

A dieta Kosher preenche os requisitos religiosos da religião judaica. Este estilo de alimentação apresenta regras bastante rígidas no que diz respeito à matéria-prima, preparação, confeção e mistura de ingredientes. Estas regras encontram-se na Torah, o livro sagrado da religião judaica.

Embora esta dieta seja específica desta religião, há cada vez mais pessoas a querem adoptar este estilo de vida.

Regras e alimentos da dieta Kosher

Carne:

Nesta dieta nem todas as carnes são permitidas. Quem adere a este estilo de alimentação apenas pode comer as carnes de vaca, carneiro e cabra. As espécies domésticas de frango, patos, gansos e perus estão também incluídas nesta dieta, mas todos os animais devem ser abatidos sem sofrimentos e têm que passar por uma série de lavagens. Estas lavagens servem para as carnes deixarem de ter vestígios de sangue.

A carne de porco e de coelho não está inserida na dieta kosher por não serem animais ruminantes e não terem o casco fendido.

Peixe:

Os únicos peixes considerados Kosher são os que possuem barbatanas e escamas. Exemplos destes podem ser o atum, pescada, sardinha e o bacalhau. Mais uma vez, é importante que estes peixes passem por regras rígidas de preparação e verificação. Além disso, o animal não pode sofrer ao morrer e o respetivo sangue não pode ser consumido.

Ovos e Lacticínios:

Os ovos podem ser comprados em qualquer local, mas é necessário verificar a presença de pontos vermelhos. Aquelas que tiverem, podem ter vestígios de sangue e por isso não podem ser utilizados. Assim, são partidos para dentro de copos de vidro, para se averiguar se contêm sangue ou outras impurezas.

Todos os alimentos derivados de leite, ou que contêm leite, são classificados como lácteos, incluindo leite, manteiga, iogurte e todos o queijos. Os produtos lácteos podem ser ingeridos, mas segundo alguns critérios: devem ser de um animal kosher e estar isentos de derivados de carne (por exemplo, gelatina).

Uma regra que nunca pode ser esquecida é que nem o leite nem os derivados podem ser consumidos juntamente com carne.

Frutas, Hortícolas e Leguminosas:

Os frutos e os vegetais podem ser utilizados nas refeições sem restrições, contudo têm de ser muito bem lavados. A maioria das frutas, hortícolas e leguminosas são permitidas na dieta kosher. Contudo, devem também respeitar algumas regras, principalmente no que diz respeito à preparação.

Para evitar qualquer tipo de contaminação, antes do consumo os alimentos devem ser demolhados e depois lavados um a um.

Produtos industrializados:

Os produtos industrializados não podem conter gordura animal, ossos e corantes feitos a partir de animais. As gelatinas, os produtos congelados, o pão, bebidas, bolachas e iogurtes, só podem ser ingeridos se tiverem o selo Kosher ou se houver a certeza que não contêm nenhum dos ingredientes mencionados.

Estas são apenas algumas das regras da alimentação kosher. A razão é muito simples, a higiene com que os alimentos são produzidos e manuseados fazem com que alimentos desta dieta sejam sinónimo de segurança alimentar.

Nota: Numa refeição kosher, a carne e os lacticínios nunca são misturados. Os tachos e a loiça que são usados para confeccionar e comer cada um deles têm de estar devidamente separados e devem ser lavados também em separado.

A razão para esta regra encontra-se na Torah, onde se define o princípio de não cozinhar o filho (a cria) no leite da mãe.

Vantagens desta dieta

Sob o ponto de vista nutricional, não há diferenças, mas os reais benefícios estão diretamente ligados à saúde, confiança e segurança, devido aos rigorosos padrões impostos para aprovação dos alimentos para venda.

Ajuda na perda de peso?

A dieta kosher é uma dieta lenta. Irá emagrecer lentamente e mais importante, não irá recuperar os quilos perdidos ao fim de um período de tempo.

LEIA AINDA: Madonna massaja o rosto com «brinquedo sexual»

Fotos: Reprodução Instagram 

Siga a Revista VIP no Instagram