Quinze anos passaram sobre o fatídico 11 de setembro. O tempo passa e é impossível não relembrar a data. Os atentados, que tiraram a vida a 2.977 pessoas, ficarão para sempre marcados não só na história dos Estados Unidos, mas de todo o Mundo. 

Nesse dia de 2001, quatro aviões comerciais foram sequestrados por 19 terroristas. Dois deles embateram contra as torres gémeas, um no Pentágono e o quarto não chegou ao destino. Despenhou-se numa zona rural da Pensilvânia.  George W. Bush era o presidente da altura. 

Já passaram 15 anos. Contudo, o passar dos anos não apaga a memória do maior atentado terrorista da história. Nada mais foi igual. 

Fotos: Reuters 

top Internacional